Crenças

Um dos poucos assuntos que eu realmente tenho receio em comentar é religião, pois eu acredito que cada um possui a sua própria crença e tem o direito de acreditar ou não no que bem entender. Mas certos aspectos de alguns religiosos (nunca disse que são todos, nem que são maioria, apenas constatei o fato de que eles existem) realmente me desagradam, não consigo aceitar o ódio direcionado a outras crenças pelo simples fato de elas não acreditarem em seus preceitos, sério pessoal dá um tempo.

Em um nível mais primordial quase todas as crenças são iguais, acreditam em um ser superior todo poderoso, que é ajudado (ou divide o poder) por outros seres quase tão poderosos, todos acreditam que ele punirá os injustos e agraciará os justos com um lugar melhor após a sua morte, invariavelmente acreditam que sua divindade é amor e mesmo assim quer que eles conquistem pela força ou ameaças (sinceramente, falar que eu vou para o inferno, hades, purgatório, ou o que for por não acreditar eu encaro como ameaça) os outros povos levando assim sua palavra de sabedoria para a terra, eu só queria entender a parte em que essa categoria ambígua do julgamento faz sentido.

Eu não sou completamente ateu, pois como não tenho garantia de que existe ou não tal ser, prefiro manter um saudável ponto de interrogação nessa questão, mas lendo sobre todas essas crenças, verificando tantos textos, cheguei a uma conclusão:

Não sei se ele existe ou não, mas possuo apenas uma certeza, no caso de sua existência ele me julgará (assim como a todos) pelos atos que fizemos em vida e não por nossa crença em particular, pois se o chamam de justo e o classificam como a encarnação daquilo que é bom, ele não julgará ninguém por sua crença, mas sim por seus atos e sua moral.

– Luan Garcia

Pensando assim você percebe que não importa a crença da pessoa, você não pode julga-la por ela acreditar e você não, por ela pensar de forma diferente, todos somos únicos, não nascemos para sermos iguais, não precisamos acreditar nas mesmas coisas para sermos unidos, o que importa é o que fazemos e nada mais, seja certo ou errado, apenas nossas ações tem reflexos no mundo, nossas crenças só mudam alguma coisa através de nossas ações, logo não importa no que você acredita, importa apenas o que você faz com o mundo a sua volta.

Anúncios

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s